3.1 // LGBT

Campanha busca defesa ao direito à livre orientação sexual e identidade de gênero no Brasil

O Fundo Brasil, grupo de apoio contra as violências sofridas pelos LGBTs lançou a nova fase da campanha #NãoTáTranquiloNãoTáFavorável, que tem como foco a defesa do direito à livre orientação sexual e à identidade de gênero no Brasil.

Para as manas que não sabem, moramos numa terra em que, a cada 25 horas, uma lésbica, gay, bissexual, travesti ou transexual morrem frutos da violência – o que foi suficiente para compor o índice de 343 mortes só em 2016, ano mais violento desde 1970.

O levantamento indica ainda que mata-se mais LGBTs no país do que nas 72 nações que ainda instituem penas mais severas, inclusive a de morte, contra esse segmento da população.

A campanha vem com o objetivo de mobilizar pessoas e enfrentar a realidade atual, como a de estudantes LGBT que são agredidos em escolas, o que consequentemente impacta o rendimento dos estudos, além de chamar a atenção para as violações dos direitos da comunidade, e buscar apoio a estas causas relacionadas aos direitos humanos.

Diversas frentes de mobilizações serão feitas para a massificação da campanha, a começar pelos lambe-lambe espalhados com frases como “Eu respeito a diversidade”, “O amor não tem rótulos” e “Somos muitos, não somos minorias”. As imagens estarão disponíveis para quem quiser usar como pôster ou estampas de camiseta, ou colocar como foto de capa e perfil no Facebook.

saiba antes via instagram @revista.maisjr