5.0 // COLUNISTAS5.1 // Felippe Vaz

Colunista Felippe Vaz traz as últimas novidades do mundo LGBT

FESTÃO

Sabe aquela festa que te bota para dançar e sacode o corpo inteiro? Pois bem… Sexta, 01/12, foi exatamente assim. Os produtores Marcio Lima e Ana Terra, estrearam o evento ”Vaca Profana”, que aconteceu no Espaço Ruínas.

Mas, não foi o famoso ”mais do mesmo”. A dupla criou um ambiente onde o público se sentia completamente à vontade para ousar, vestir o que bem entendesse, se jogar na purpurina, dançar sem medo de ser feliz e esquecer os rótulos. Não preciso nem dizer que todos ficaram até às 7 horas da manhã, não é mesmo?

Um super parabéns aos idealizadores e mal posso esperar pela próxima.

Dá um confere nas fotos lindas, clicadas pelo talentoso Igor Mota.

RAINHA

Quem veio pra reinar é assim. Beyoncé apareceu de surpresa na premiação “Sports Illustrated’s 2017 Sportspersons of the Year Awards”, em Nova York, para entregar o prêmio “Muhammad Ali Award” para o jogador Colin Kaepernick, da NFL.

Acontece que Colin foi acusado de anti-patriotismo, por conta de seu protesto contra o racismo, durante um jogo em 2016. Ele se ajoelhou e se recusou a cantar o hino dos Estados Unidos.  O jogador chegou a ser banido de seu time e recebeu ameaças de morte.

Em seu discurso, Beyoncé disse uma frase muito significativa e importante: ” Dizem que o racismo é tão americano que, quando protestamos contra o racismo, alguns acreditam que estamos protestando contra a América.”

Atitudes como essa fazem valer o título de Diva.

saiba antes via instagram @revista.maisjr