3.1 // LGBT

Dia do Orgulho LGBTQIA+: filmes e séries mais buscados pelos brasileiros

Neste domingo, 28 de junho, é Dia do Orgulho LGBTQIA+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, queer, intersex, agênero eassexuais, etc), comemorado mundialmente desde 1969. Para celebrar a data, a SemRush, levantou os filmes e séries com temática LGBTI mais pesquisados pelos brasileiros na internet no último ano. O filme Azul é a Cor mais Quente, a história de um casal de mulheres, ficou em primeiro lugar no período, com uma média de 54 mil buscas mensais. Já a série mais famosa foi Sense8 (25,3 mil pesquisas), que conta sobre a vida de oito pessoas de diferentes etnias, culturas e personalidades que compartilham uma ligação.

Inspirado em um livro, Me Chame pelo seu Nome trata de um romance entre um adolescente de 17 anos e um jovem de 28, e foi o segundo longa LGBTQIA+ mais procurado nos últimos 12 meses, com 43 mil buscas mensais. Em seguida, o ganhador do Oscar Moonlight – Sob a Luz do Luar, que gerou polêmica ao vencer tendo um negro homossexual como protagonista, teve 37,9 mil procuras por mês.

O filme brasileiro Praia do Futuro, com o Wagner Moura interpretando o protagonista homossexual, também trouxe discussão. Mesmo depois de tanto tempo do lançamento, o longa foi pesquisado 28,6 mil vezes por mês no último ano. O quinto da lista também é nacional e trata de um casal de adolescentes, sendo um deles deficiente visual. Hoje eu Quero Voltar Sozinho foi baseado em um romance e contou com 16,7 mil pesquisas mensais no período.

Depois de Sense8, o programa que trata do tema com mais busca foi Rupaul’s Drag Race, um reality de drag queens que contou com 22,6 mil buscas mensais. The L Word foi ao ar entre 2004 e 2008, contando sobre o mundo lésbico em uma época que pouco se falava sobre isso. No último semestre de 2019 foi anunciado o revival The L Word: Generation Q, que já foi renovada para segunda temporada. Com esse movimento, a série ficou em terceiro lugar nas buscas, com a média mensal de 18,4 mil procuras.

Grace and Frankie, série lançada em 2015, conta a história de duas amigas na terceira idade, que os respectivos maridos as deixam por estarem apaixonados um pelo outro. O programa de comédia teve, em média, 14 mil buscas mensais. Em quinto lugar de séries LGBTQIA+, Threesome teve 11 mil pesquisas por mês e fala como um casal e um amigo, depois de um sexo a três, engravidam e decidem criar o bebê juntos.

Representatividade

Algumas produções podem não ser temáticas LGBTQIA+, mas possuem personagens da comunidade dentro do núcleo principal, tratando do assunto com naturalidade. Dessas, American Horror Story, a série de terror foi em disparada a mais pesquisada, com 89,7 mil na média mensal. Em seguida, Orange is the New Black, que conta sobre o dia a dia de uma penitenciária feminina norte americana, teve 40 mil buscas por mês. Em terceiro lugar nessa lista, One Day at a Time fala sobre o dia a dia de uma família de imigrantes cubanos, e teve 26,8 mil pesquisas mensais nos últimos 12 meses.

O top 10 de filmes LGBTQIA+ mais pesquisados nos últimos 12 meses:
• Azul é a Cor Mais Quente – 54,8 mil
• Me Chame pelo seu Nome – 43 mil
• Moonlight – 37,9 mil
• Praia do Futuro – 28,6 mil
• Hoje eu Quero Voltar Sozinho – 16,7 mil
• Madame Satã – 12,2 mil
• O Segredo de Brokeback Mountain – 11,2 mil
• Rafiki – 9,4 mil
• Flores Raras 7,8 mil
• Meninos Não Choram – 3,2 mil

O top 10 de séries LGBTQIA+ mais pesquisados nos últimos 12 meses:
• Sense8 – 25,3 mil
• Rupaul’s Drag Race – 22,6 mil
• The L Word – 18,4 mil
• Grace and Frankie – 14 mil
• Threesome – 11,6 mil
• The Fosters – 10,3 mil
• Bonding – 9,4 mil
• Love By Chance – 8,4 mil
• Aj and the Queen – 8,4 mil
• The L Word: generation q – 7,6 mil

saiba antes via instagram @revista.maisjr