2.6 // POP & MÚSICA3.1 // LGBT

Estado dos EUA revoga lei de uso de banheiros para transgêneros

A nova lei determina que a regulação sobre os banheiros será definida apenas pelo Estado até 2020  

Em fevereiro, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reverteu uma orientação do governo Obama para que escolas permitissem que estudantes transgêneros utilizassem o banheiro que quisessem.

Na contramão da decisão, o estado da Carolina do Norte aprovou nesta quinta-feira, 30, um texto que revoga a lei estadual que proíbe que transgêneros usem, em prédios públicos, os banheiros e vestiários compatíveis com a identidade de gênero que escolheram. O projeto agora será sancionado pelo governador.

A lei revogada pela Assembleia Legislativa da Carolina do Norte havia eliminado proteções antidiscriminação para gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros e estabelecia que, em prédios do governo no Estado, só era permitido aos cidadãos utilizarem os banheiros que correspondessem ao gênero impresso em seus documentos.

A nova lei determina que a regulação sobre os banheiros será definida apenas pelo Estado até 2020, o que significa que cidades, por exemplo, não poderão aprovar regras antidiscriminação.

Grupos LGBT, no entanto, dizem que o acordo não é bom o suficiente, e que o texto não revoga de fato a lei anterior, conhecida como HB2 (House Bill 2). Segundo eles, a proposta não protege os transgêneros de discriminação.

saiba antes via instagram @revista.maisjr