1.1 // FAMOSOS2.6 // POP & MÚSICA

“Meninas se espelham em mim”, diz IZA

Sinônimo de representatividade,  a cantora IZA foi a convidada do canal da musa fitness Gabriela Pugliesi no Youtube. Na entrevista, contou que recebe muitas mensagens de meninas que se espelham nela.

“Quando eu era mais nova, sentia muita falta de me sentir representada, de me ver nos brinquedos que eu comprava, me ver nos programas de TV, capas de revista, novela. Impressionante como isso importa, a gente precisa disso. Fico muito feliz de hoje estar nesse lugar em que várias meninas se espelham em mim, porque sei como isso era importante para mim”, diz

A cantora, que em breve deve lançar seu primeiro álbum, também contou que passou sua infância tentando se adequar aos padrões da sociedade: “Quando eu tinha uns 13, comecei a alisar meu cabelo. Usei trança pela primeira vez na vida com 9 anos, usei porque queria que meu cabelo balançasse igual o das minhas amigas. Adorei, mas ainda não estava igual o das minhas amigas, queria me misturar, estar igual, aí comecei a alisar o meu cabelo. Parei com 20, quando comecei a me olhar no espelho e entender que eu não era aquilo. Eu só queria me misturar, não queria ser diferente, chamar a atenção. E hoje é o contrário”.

IZA ainda está começando a colher os frutos de ser famosa. Sua música “Pesadão”, por exemplo, está emplacando em plataformas digitais como o Spotify. Ela até lembra com bom humor quando foi reconhecida na rua pela primeira vez.

“Tava andando na rua, a primeira pessoa falou: “Iza?’. Eu falei: ‘Oi?’. Fiquei: ‘Gente, será que estudei com essa pessoa? De onde conheço?’. Aí ela começou a me elogiar. Aí entendi”, contou.

saiba antes via instagram @revista.maisjr