2.2 // BIZARRO

Polícia do Egito usa Grindr para atrais homossexuais e prendê-los

A polícia do Egito está usando aplicativos gays como o Grindr para atrair homossexuais e prendê-los. Segundo Dalia Abdel-Hameed, investigador da Iniciativa Egípcia de Direitos Humanos, ele descobriu que policiais estão usando a técnica para atrair as suas vítimas.

Tecnicamente, a homossexualidade não é criminalizada no país, mas a polícia usa brechas da lei para prender gays, acusando-os, por exemplo, de “incitação ao deboche”.

No mês passado, a polícia prendeu parte do público de um show em um festival de rock no país por hastear a bandeira do Orgulho LGBT. Algumas vítimas chegaram a serem submetidas a exame anal para comprovação de possível relação homossexual.

saiba antes via instagram @revista.maisjr