1.1 // FAMOSOS4.0 // EXCLUSIVO

Samuel (Eriberto Leão) e Cido (Rafael Zulu) terminaram briga com um beijão

Samuel (Eriberto Leão) e Cido (Rafael Zulu) selaram o relacionamento de uma novela inteira com um beijo na última terça-feira em O Outro Lado do Paraíso. Contudo, a bitoca — maior e melhor que a de Felix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) em Amor à Vida — destoou da cena ao redor, tão sensacionalista quanto a Record explorando a gravidez de Sabrina Sato.

Inimiga da relação desde o começo, a mãe de Samuel, Dona Adnéia (Ana Lúcia Torre), largou o discurso de “cura gay” apenas na iminência de perder o filho, que ameaçava deixá-la por Cido. Sem disfarçar, ela fingiu um ataque respiratório e, não convencendo, balbuciou algumas palavras da boca para fora a fim de convencer o genro — e, por tabela, o filho — a ficar. O beijo foi a melhor parte da sequência, explorando toda a química entre os personagens.

Fonte: Veja

saiba antes via instagram @revista.maisjr